Google+ Followers

sábado, julho 02, 2005

A competência aos 66 anos


Os pouco atentos diziam que ele estava acabado. Que fora ultrapassado por novos treinadores, mais ambiciosos. Que fora um fracasso na selecção italiana. Como foram levianos e apressados! Sabe da poda como poucos, o italiano. E o nosso 6 dedos sempre ao lado? O seu carisma, a gestão do balneário, o galvanizar dos adeptos. Que agora vai ser substituído pelo seu antigo ala esquerdo, destino preferencial dos seus passes... há cada ironia na vida...

Sem comentários: